[GTER] Comportamento de DNS da Oi

Ricardo Rodrigues rcr.listas em ig.com.br
Quinta Janeiro 8 17:25:58 BRST 2009


Oi Bruno,

São coisas um pouco diferentes. Até onde sei, o SiteFinder da Verisign
era um wildcard DNS configurado nos servidores autoritativos do .com e
.net controlados pela própria Verisign. Como bem dito pelo Paulo,
existem aplicações que precisam receber um NXDOMAIN. Além disso, os
servidores autoritativos são acessados por toda a comunidade Internet,
eles não têm domínio sobre quem os estão acessando. Ou seja: não é
possível à Verisign oferecer um comportamento "padrão" para um grupo
de usuários e um comportamento "com redirecionamento" para outro
grupo.

Até onde sei, as soluções de redirecionamento de todas as operadoras
(não apenas no Brasil, esse tipo de serviço existe em todo o mundo)
são baseadas em servidores DNS Cache. Talvez por isso o Demi tenha
citado que há um paralelo imperfeito entre as duas soluções. Na
solução das operadoras, elas têm total controle sobre o serviço e
sobre quais usuários estão acessando esse serviço. É uma
"funcionalidade" adicional aos seus usuários. E como bem dito pelo
Alfredo, é benéfica para alguns usuários (que são a maioria,
principalmente os iniciantes na tecnologia) e "maléfica" para outros
usuários. As operadoras devem ser capazes de oferecer a solução DNS
padrão (sem redirecionamento) para quem assim o desejar.

Abraços,
Ricardo


2009/1/8 bruno em openline.com.br <bruno em openline.com.br>:
> --- Demi Getschko <demi em nic.br> escreveu:
>> Minha opinião é que comportamentos assim violam os padrões por
>> fraudarem a resposta real do DNS responsável... Acho que precisamos
>> entrar em contacto à Oi e Speedy pedindo que parem com isso,
>
> Alguém lembra quando um root server/registrar americano fez
> a mesma coisa?
>
> []s, !3runo Cabral
>
> --
> gter list    https://eng.registro.br/mailman/listinfo/gter
>



More information about the gter mailing list