[GTER] GTER deve permanecer GRATIS !

Rubens Kuhl Jr. rubens em email.com
Sexta Abril 12 16:31:00 BRT 2002


Adriano,

Você acha que o auditório da UNESP poderia ser uma extensão da cidade do
evento ?
Uma idéia que tive seria ter em SP (e possivelmente RJ, mas nunca mais
de duas localidades satélites) salas com transmissão de audio/vídeo do
GTER, e com link full-mesh de áudio/vídeo para que seja possivel
co-participar mesmo não estando no local principal do evento; hoje não é
muito simples co-participar assistindo a transmissão Real e enviando
perguntas via Internet, e isso poderia ajudar na escalabilidade do
evento.


Rubens




-----Original Message-----
From: gter-admin em eng.registro.br [mailto:gter-admin em eng.registro.br] On
Behalf Of Adriano Mauro Cansian
Sent: Friday, April 12, 2002 12:42 PM
To: gter em eng.registro.br
Subject: [GTER] GTER deve permanecer GRATIS !


	Caros colegas, venho através deste REAFIRMAR as colocações que
fiz na 
reunião, e justificar a razão delas.

	Antes que eu me esqueça: estas opiniões REPRESENTAM a opinião da
minha 
instituição E de meu empregador.

Segue meu modelo OSI de raciocínio, justificando minha opnião.

---
7.APLICAÇÃO) A reunião do GTER deve permanacer grátis. Cobrar não 
necessariamente vai definir se o evento é de bom nível ou não.
---
6.APRESENTAÇÃO) Se, no momento, ainda existem recursos que permitam que
ele 
seja gratuito, não há razão para cobrar. O CG desempenha um papel muito 
importante no custeio deste evento, e o faz de forma MUITO POSITIVA. A 
obtenção de patrocínios é um modelo muito bom.
---
5.SESSÃO) Cobrar vai trazer mais dificuldade logística e complicação
para a 
organização do evento.
---
4.TRANSPORTE) A cobrança vai trazer complicações para quem tem
dificuldade 
burocrática em pagar. Se for cobrado, posso garantir que ninguém da
UNESP 
vai poder ir, porque para pagar R$ 100,00 nós temos de preencher 10 
formulários e pegar 6 assinaturas e demora no mínimo 30 dias. A
burocracia 
não compensa. Não estou puxando a sardinha pra mim, pois tenho certeza
que 
muitos estarão na mesma situação.
---
3.REDE) Existe risco do evento se tornar muito comercial, visando lucro 
(afinal, todo mundo gosta de dinheiro; eu inclusive).
---
2.ENLACE) Nosso país é pobre. R$ 100,00 pode não fazer diferença para 
alguns, mas faz para muita gente. Cobrar vai aumentar ainda mais o já 
elitizado grupo de pessoas que possuem conhecimento sobre
alta-tecnologia 
de redes e inibir quem está começando. Não é disso que precisamos.
Apesar 
de muita gente não se manifestar, tenho certeza que muitos não podem
pagar 
R$ 100 do bolso. Eu não posso.
---
1.FÍSICA) A cobrança pode espantar aqueles colaboradores usuais que têm
por 
princípio que o evento deva ser gratuito.
---

	Finalmente, acho que deve ter um meio de controlar rigidamente
quem se 
inscreve e não participa.

	Gostaria de saber o resultado das fichas de avaliação que
perguntam se os 
participantes estão dispostos a pagar. Acho que esta questão ainda não
deve 
ser encerrada.

	Não estou querendo polemizar com ninguém. É apenas meu ponto de
vista (e 
de meu empregador).

	Um abraço,

			Adriano




More information about the gter mailing list