[GTER] Proposta de TCC.

Douglas Fischer fischerdouglas at gmail.com
Fri Mar 14 21:07:03 BRT 2014


Luis, essa necessidade de ter algo concreto para apresentar as vezes é mal
interpretado.

Você não precisa ter algo funcionado, ou linhas de código escritas para ter
um bom TCC.

Fazendo um bom trabalho de pesquisa, e realizando uma boa comparação entre
cenários, você pode ter um excelente TCC e com grandes chances de
publicação em mídias científicas.

Mas se você é um cara hands-on, aí já é outro papo.
É uma questão de preferência.

Só estou comentado pois existe um mito do:
"Você tem que entregar alguma coisa que rode."


2014-03-14 14:30 GMT-03:00 Luis H. Forchesatto <luisforchesatto at gmail.com>:

> Obrigado pela contribuição de todos :D
>
> Bem, tenho bastante tempo para desenvolver, aproximadamente 1 ano e meio
> ainda, mas estou me adiantando pra poder ir fazendo algo e não deixar tudo
> para o último semestre. Achei a ideia de fazer sobre SDN um hot-topic e
> tanto, mas ainda ficou meio vago: o que eu poderia efetivamente
> desenvolver/implantar a esse respeito? No final das contas eu teria que ter
> algo palpável para mostrar para a banca do contrário o TCC não seria
> válido.
>
> Para com meu orientador, estou assumindo o pior cenário possível: o dele
> não poder contribuir muito com conhecimento do assunto (suspeita não
> concretizada). Também tenho interesse em dar continuidade nisso em um
> projeto de mestrado futuro mas o que eu gostaria mesmo é que isso pudesse
> ser transformado em algo rentável, já que vou ficar um bom tempo em cima
> disso.
>
> Lembrando também que o projeto tem que ser em parte inédito ¬.¬
>
>
>
>
> 2014-03-13 17:13 GMT-03:00 Danton Nunes <danton.nunes at inexo.com.br>:
>
> > On Thu, 13 Mar 2014, Lucas Willian Bocchi wrote:
> >
> >  Olha colega.
> >>
> >> A resposta pra tua pergunta é: DEPENDE.
> >> a) Depende de quanto tempo você deixou pra fazer esse TCC (dependendo
> >> do assunto em um ano inteiro você não vai dar conta de resolver)
> >> b) Depende de quanto o teu orientador sabe sobre o assunto que você
> >> vai pesquisar (se ele não souber nada, não vai poder te ajudar e você
> >> vai dançar na hora que precisar de ajuda)
> >> c) Depende do quê você vai fazer com este projeto quando terminar o
> >> TCC (guardar na gaveta não é uma opção. Se vai fazer um mestrado se
> >> vai poder dar continuidade no assunto).
> >>
> >
> > uma velha piada "not so off-topic":
> >
> >                 A Rabbit's Thesis
> >
> > One sunny day a rabbit came out of her hole in the ground to enjoy the
> > fine weather. The day was so nice that she became careless and a fox
> snuck
> > up behind her and caught her.
> >
> > "I am going to eat you for lunch!", said the fox.
> >
> > "Wait!", replied the rabbit, "You should at least wait a few days."
> >
> > "Oh yeah? Why should I wait?"
> >
> > "Well, I am just finishing my thesis on The Superiority of Rabbits over
> > Foxes and Wolves."
> >
> > "Are you crazy? I should eat you right now! Everybody knows that a fox
> > will always win over a rabbit."
> >
> > "Not really, not according to my research. If you like, you can come into
> > my hole and read it for yourself. If you are not convinced, you can go
> > ahead and have me for lunch."
> >
> > "You really are crazy!" But since the fox was curious and had nothing to
> > lose, it went with the rabbit. The fox never came out.
> >
> > A few days later the rabbit was again taking a break from writing and
> sure
> > enough, a wolf came out of the bushes and was ready to set upon her.
> >
> > "Wait!" yelled the rabbit, "you can't eat me right now."
> >
> > "And why might that be, my furry appetizer?"
> >
> > "I am almost finished writing my thesis on The Superiority of Rabbits
> over
> > Foxes and Wolves."
> >
> > The wolf laughed so hard that it almost lost its grip on the rabbit.
> >
> > "Maybe I shouldn't eat you. You really are sick...in the head. You might
> > have something contagious."
> >
> > "Come and read it for yourself. You can eat me afterward if you disagree
> > with my conclusions."
> >
> > So the wolf went down into the rabbit's hole...and never came out.
> >
> > The rabbit finished her thesis and was out celebrating in the local
> > lettuce patch. Another rabbit came along and asked, "What's up? You seem
> > very happy."
> >
> > "Yup, I just finished my thesis."
> >
> > "Congratulations. What's it about?"
> >
> > "The Superiority of Rabbits over Foxes and Wolves."
> >
> > "Are you sure? That doesn't sound right."
> >
> > "Oh yes. Come and read it for yourself."
> >
> > So together they went down into the rabbit's hole. As they entered, the
> > friend saw the typical graduate student abode, albeit a rather messy one
> > after writing a thesis.
> >
> > The computer with the controversial work was in one corner. To the right
> > there was a pile of fox bones, to the left a pile of wolf bones. And in
> the
> > middle was a large, well-fed lion.
> >
> > The moral of the story:
> >
> >     The title of your thesis doesn't matter.
> >     The subject doesn't matter.
> >     The research doesn't matter.
> >     All that matters is who your advisor is.
> >
> > --
> > gter list    https://eng.registro.br/mailman/listinfo/gter
> >
>
>
>
> --
> Att.
> Luis H. Forchesatto
> http://br.linkedin.com/pub/luis-henrique-forchesatto/73/684/a67
> --
> gter list    https://eng.registro.br/mailman/listinfo/gter
>



-- 
Douglas Fernando Fischer
Engº de Controle e Automação


More information about the gter mailing list