[GTER] Problemas com MTU e enlaces Metro

Marc marcusandree em gmail.com
Sexta Maio 23 11:32:02 BRT 2008


Via de regra, mais que 1500 bytes exigem o suporte
a "jumbo frame" entre os equipamentos.

Evidentemente, estes pacotes terao de passar por
um roteador para que possam "desaguar" na Internet.

Em algum ponto deste caminho, alguem precisa
converter os jumbo frames para frames padrao, de
1500 bytes no maximo. Por esta razao, configurar
o jumbo frame pode nao ser de grande serventia se
o seu trafego for apenas para acesso a Internet, pois
o "gargalo" nao esta no link 1Gbps.

O packet filter (pf) do OpenBSD tem uma opcao
de "normalizacao" do MTU (scrub max-mss) muito
interessante.

Outra coisa, o firewall esta bloqueando pacotes ICMP?
Os sites precisam disso para habilitar o PMTUD.

Houve uma discussao interessante sobre esse problema
em uma lista recentemente:

http://www.mail-archive.com/nanog@nanog.org/msg01711.html



2008/5/23 Raniery Pontes <raniery.pontes em gmail.com>:
> Olá pessoal, queria um help de vocês pra quem já utiliza enlaces metro.
>
> Estamos conectando um evento nosso utilizando um enlace metro de 1Gbps.
> Esse enlace liga um hotel a um PoP nosso, de onde damos trânsito internet.
>
> Ocorre que nos testes que fiz, não consigo gerar pacotes de mais de 1492
> bytes entre as duas pontas do enlace (teste com ping, DF setado). Creio
> que por conta disso, o acesso à páginas web no hotel está ruim, com
> algumas páginas não carregando ou carregando muito lento.
>
> Gostaria de saber se alguém que usa ou provê enlaces metro, o faz com
> MTU "normal", ou seja, com 1500 bytes pelo menos. Creio que é necessário
> que os switches da operadora operem com jumbo frames, pra evitar esse
> problema que estou encontrando.
>
>
> abraços
>
>
> --
> Raniery Pontes
> ----------------------
> --
> gter list    https://eng.registro.br/mailman/listinfo/gter
>



More information about the gter mailing list