[GTER] Estudo sobre a internet no mundo

Fabiano fabiano.br em uol.com.br
Sexta Maio 9 12:15:44 BRT 2008



Para FTTH (pelo menos em meados de 2007), o custo 
da fibra já era equivalente/inferior ao do cobre 
(para se passar infraestrutura).
Se considerarmos a capacidade de banda (e 
consequente gama de produtos e serviços 
possíveis) já se justificaria investimentos...
Contudo, apenas a visão simplista de mais banda 
não se justifica (banda para quê ? P2P ? 
Pirataria e pornografia ?). Tem que existir 
produtos e serviços associados. Em termos 
empresariais, estes serviços e produtos devem ter 
valor agregado (entendam $$$) para empresas 
apostarem para os próximos anos/décadas.

[]s
Fabiano

At 10:32 9/5/2008, Pedro Torres wrote:

>Imagino que qualquer piloto deveria iniciar os serviços em alguma área
>bastante verticalizada, como está sendo feito em SP.
>Na Coréia do Sul 50% da população vive em andares o que favorece bastante o
>uso desta tecnologia. Na Suécia (e outros países) há um belo incentivo do
>governo para que FTTH alcance a grande maioria, até mesmo em áreas rurais.
>
>O Tukso (quem é o Tukso?) comentou de um "monopólio" e o Henrique
>de "oversubscription de backbone". Acho que o que falta mesmo é algum
>incentivo ($$$).
>
>--
>Pedro
>
>Em Sex 09 Mai 2008, Bruno em openline.com.br escreveu:
> > --- Pedro Torres <torres em pop-pr.rnp.br> escreveu:
> > > Temos alguma operadora fazendo algum trabalho na área de FTTH
> >
> > (Fiber-to-the-Home)?
> >
> > A Telephonica fez num bairro de SP (Jardins?). Por R$500 mensais uma série
> > de serviços incluindo banda larga de alta velocidade e TV.
> >
> > !3runo
> > --
> > gter list    https://eng.registro.br/mailman/listinfo/gter
>--
>gter list    https://eng.registro.br/mailman/listinfo/gter




More information about the gter mailing list