[GTER] Esqueça a Internet, Senador.

Rafael Possamai rafaelpossa em gmail.com
Sexta Maio 25 19:21:42 BRT 2007


Já não existem os crimes cibernéticos? Que eu saiba a PF já tem um 
departamento que lida com esse tipo de problema, e pelo jeito funciona 
bem...
Além dos crimes com internet banking(cartão de crédito, roubo de senhas de 
auto-atendimento etc.), que outros problemas poderiam entrar nessa 
regulação? Spam, talvez, agora disseminação de worms e vírus seria muito 
difícil... Qualquer hackerzinho desses om um PC e uma ADSL em casa entra 
numa box mal cuidada e começa a fazer spam com php e uma lista de e-mails, 
também começa a soltar ddos pra tudo que é lado e por aí vai... E as vezes é 
com máquina estrangeira, aí como vamos chegar no culpado? E como citaram 
anteriormente, como vão pegar os caras que realmente entendem do assunto e 
podem burlar a maioria das 'armadilhas'?

Se as fiscalizações no meio 'físico' já são complicadas e muitas vezes 
insuficientes por parte do estado, como vão fazer isso de maneira razoável 
na Internet?

Um outro detalhe, é bem vísivel a dificuldade de se ter uma legislação 
funcional e justa no que diz respeito às situações na sociedade em geral, 
vai ficar pior ainda na Internet onde só temos IPs e uma montanha de bytes 
pra analisar.


Rafael


----- Original Message ----- 
From: "Leandro Pereira de Lima e Silva" <leandro em limaesilva.com.br>
Subject: Re: [GTER] Esqueça a Internet, Senador.


Auto-controle e auto-regulamentação... os autores dessa auto-regulamentação
seríamos nós, certo?

Acho que o NIC.br, através dos seus grupos de discussão e do próprio pessoal
que já trabalha nele poderia sugerir aos legisladores as regras necessárias,
será que podia ser desse jeito?

De qualquer forma, sem legislação não podemos ficar, é preciso mesmo
tipificar algumas situações virtuais.

[]s Leandro 




More information about the gter mailing list