[GTER] Diar e Econoshop, once again

Gustavo Molina gustavo em molina.com.br
Sábado Fevereiro 15 18:23:00 BRST 2003


Hello Reinaldo,

Saturday, February 15, 2003, 4:14:06 PM, you wrote:

> Nao  existia  uma  ideia  de  comparar os dados entrados com a base da receita
> deferal  e  dos  correios?  Acho  que  tres checagens deveriam ser feitas para
> comprovar a validade das informacoes:
> 1 - Receita federal
> 2 - Correios
> 3 - Policia Federal

> Mas como sempre isso vai ficar uma boa ideia...eu
> ficaria felizmente surpreso se nao. No final das
> contas teremos que realmente ter uma solucao tecnica
> para spam.

Em  minha  opinião,  isso é pura perda de tempo, e total e absolutamente inútil,
pois:

1  - Mesmo que se faça exame de retina, e autenticação por DNA, de nada adianta;
se  a pessoa quiser um domínio, não há sequer a necessidade de um CGC, nem de um
endereço,  nada.  Basta  um  cartão  de  crédito  e em 5 minutos é registrado um
domínio (.com, .org, .net, ou qualquer extensão que não seja *.*.br) em qualquer
registrar "lá fora". No Godaddy (por exemplo) custa US$ 6.95 por ano, não dá dor
de  cabeça, é fácil e rápido. Não há qualquer tipo de checagem de endereço, CGC,
telefone, nome, nada.

2  -  A  porcentagem  dos spammers que têm site próprio é relativamente baixa. A
maioria deixa e-mail ou telefone para contato.

3  -  Os  que  têm  domínio  próprio  normalmente  são  empresas, fazem negócios
legítimos,  e  já  divulgam  o  nome  da  empresa mesmo, logo não teriam maiores
problemas  em  fornecer  seus  dados  reais.  As exceções podem ser contadas nos
dedos.

Por  isso,  acredito  que  uma  maior  burocracia  só serve para, falando em bom
portugûes, encher o saco de gente que não está fazendo nada de errado. Por isso,
acredito que essa idéia não é uma Good Thing (TM).


--- 
Gustavo Molina          mailto:gustavo em molina.com.br




More information about the gter mailing list