[GTER] Iminência da Votação do Marco Civil

Paulo Henrique - BSDs Brasil paulo.rddck at bsd.com.br
Mon Mar 10 22:15:23 BRT 2014


Rubnes, 34 bytes é a diferença de 100 sessões por usuários ou uma 
empresa de pequeno porte, com 15K de sessões,

Independente do que faça a capacidade de armazenamento mesmo com 
compactação de formatos TXT será astronômicas, e não coloco isso como um 
desafio para um provedor com 1000 usuarios mais considerando que a lei 
valera para todos, imagina a telefônica com os seus 2 milhões de 
usuarios, um data-center, muito processamento e RH destinado somente 
para nos monitar !!

Deveríamos deixar a internet neutra não somente ao nível de trafego mais 
sim a nível de monitoramento.
Não somos pagos para ser policiais do governo, se o governo quer isso, 
ok, mais que saia do bolso dele ( nossos impostos ) não dos nossos bolsos.
Eles tem capacidade suficiente de fazer o que querem que nós fazemos e 
recursos, penso eu , superiores ao que temos.
Não é colocar a cabeça no buraco e deixar o problema passar, é 
simplesmente tomar um posicionamento, que no caso é o lado dos mais 
fracos economicamente dizendo.

Opnião técnica !!


Em 10/03/2014 20:33, Rubens Kuhl escreveu:
> 2014-03-10 20:13 GMT-03:00 Bruno Cabral <bruno at openline.com.br>:
>
>> E o registro de conteudo que fazem os que vendem propaganda customizada,
>> como provedores de "e-mail gratuito", servidores de DNS "públicos",
>> mensageiros "pessoais" e assemelhados? Esse sim invade a privacidade dos
>> usuários.
>>
> Tanto os registros de conexão quanto de serviços, como os citados acimada,
> tem potencial de invadir privacidade e estão sujeitos aos termos do Marco
> Civil, cada qual na seção específica.
>
> Rubens
> --
> gter list    https://eng.registro.br/mailman/listinfo/gter


-- 
Paulo Henrique.
BSDs Brasil / UnixBSD.



More information about the gter mailing list